Casa Kubitschek

Foto: Luciano Coutinho

Projetada em 1943 por Oscar Niemeyer para ser a residência de fim de semana do então prefeito de Belo Horizonte, Juscelino Kubitschek, a casa apresenta as várias características que tornam a Pampulha singular para o Brasil. 
Os  jardins do paisagista Roberto Burle Marx ficam na frente e nos fundos da casa. Com telhado em forma de asa de borboleta e planos inclinados, a Casa Kubitschek configura tipologia característica da arquitetura brasileira do modernismo.
A edificação é tombada pelas instâncias do patrimônio municipal, estadual e federal, e passou por amplo processo de restauração e reconceituação, retornando ao público em setembro de 2013. A casa se mantém como o projeto original, pois as reformas que foram feitas tiveram assistência direta de  Niemeyer.
O museu, às margens da Lagoa da Pampulha, dedica-se a contar a história de uma casa modernista dos anos de 1940, 1950 e 1960, por meio de espacializações, objetos e estímulos sensoriais.


Endereço: Avenida Otacílio Negrão de Lima, 4188 - Pampulha
Telefone: 31 3277-1586
E-mail: ck.fmc@pbh.gov.br
Horário de Funcionamento: 4ª,5ª,6ª , sáb. dom. e feriados(exceto terça-feira) das 9h às 17h, 3ª das 9h às 21h.

Informações Adicionais:

 
Acessibilidade:
Elevador e sanitário.
Maquetes e plantas táteis.
Plataforma elevatória. 
Banheiro confortável para cadeirante.
Agendando a visita com antecedência, a portaria é aberta para o desembarque.
Para visitas mediadas sensoriais, favor contactar previamente.
 

Acessibilidade visual

Serviços:

Adaptado para portadores de necessidades especiais

Foto: Luciano Coutinho

Foto: Gabriel Castro

Foto: Gabriel Castro

Javascript is required to view this map.